quinta-feira, 21 de maio de 2009

"Jacques Prévert, père et fils..."

[clg-jacques-prevert.scola.ac-paris-fr]

[atopviews.com]

[i12bent.tumblr.com]

Quatro imagens de Prévert: "le grand Prévert, l' exemplaire auteur de la térrifiante et géniale "Chanson Dans le Sang".

Si vous avez la chance de la trouver quelquer part, écoutez-la dite en anglais par la voix d' argent et verre fin de Joan Baez..."


"Le "fils" c'est O' Neill, le plus luminescent et translucide des surréalistes portugais..."

2 comentários:

Anita Grey disse...

Adorei o óculos desse Sr.! hehueuheuhuh

Carlos Machado Acabado disse...

Anita:

Mais uma sugestão: tente achar aí no Brasil obras de Alexandre O'Neill, o mais imprevisível, "jazzístico" e desconcertante dos poetas contemporâneos.
Dos portugueses, pelo menos.
Há uma espécie de parente, relativamente chegado, dele aí que é Drummond de Andrade.
Também Manuel Bandeira, às vezes, se lhe assemelha.
Experimente.
"Prove", como ele diria...